Os prejuízos causados pela pandemia do novo Coronavírus e o distanciamento social ainda são incalculáveis e, um dos setores mais afetados é a Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam), o banco de sangue do Estado. Para ajudar a mudar esse cenário e arregimentar novos doares, o vereador André Luiz (PL) faz apelo para que os moradores de Manaus façam parte da campanha “Junho Vermelho”, movimento que ocorre em nível nacional para conscientizar a população sobre a importância da doação de sangue. A média de doadores antes da pandemia era de 260 por dia. Atualmente o número caiu para 95.
“Convido você a participar do Junho Vermelho e ajudar a aumentar as bolsas no estoque da Hemoam, lembrando que banco abastece não somente nossa cidade, mas, o Estado todo. Vamos ajudar nessa luta, estenda seu braço e salve várias vidas!”, pede André.
Segundo informações da Hemoam, o Amazonas é um dos estados mais atingidos pela pandemia no país. Com o isolamento social, aumentou o número de pessoas em casa e menos doadores nos centros de coleta. A Fundação registrou nos primeiros meses deste uma queda de mais de 60% nas doações.
Como doar
Para doar é preciso ter entre 16 a 60 anos, pesar mais de 50 quilos, ter mais de 1,50 metro, não ter ingerido medicação ou bebida alcoólica, ter dormido no mínimo 6h e estar bem alimentado.
Menores de 18 anos podem doar sangue somente na presença dos pais ou do responsável legal. Também é preciso estar portando um documento de identidade com foto.
A doação pode ser feita de segunda à sábado, das 7h às 18h, na Hemoam, localizado na avenida Constantino Nery, 4397, bairro Chapada, ou de segunda a sexta, das 8h às 12h45, no hospital maternidade Ana Braga, situado na avenida Cosme Ferreira, São José I.
Medidas de segurança
Distanciamento entre pessoas, realização de agendamentos para evitar aglomerações e a disponibilização de álcool gel, foram algumas das medidas adotadas pela Fundação.
Pessoas que contraíram o Coronavírus ou viajaram para fora de Manaus, só poderão doar sangue após 30 dias.
O agendamento não é obrigatório, é apenas uma das medidas preventivas adotadas pela Hemoam. Mais informações sobre a doação de sangue pelos telefones: 3655 0166 ou pelas redes sociais.
Junho Vermelho
Com intuito de levar doadores de sangue para os centros de coleta, buscando garantir o estoque adequado de bolsas. Desde o dia 13/6 (sábado), a Hemoam conta com diversas ações que envolvem a sociedade civil organizada, empresas privadas, igrejas e instituições públicas. As parcerias fazem alusão ao mês de conscientização, reconhecido pelo Ministério da Saúde como um gesto de solidariedade, conhecido como “Junho Vermelho”. No dia 14 de junho, foi comemorado o Dia Mundial do Doador de Sangue.

Postagem Anterior Próxima Postagem
O Amazonense