Moradora de San Diego (EUA), Lilly Smartelli, de 55 anos, enfrenta uma difícil realidade. Em 2017, ela foi diagnosticada com um distúrbio pulmonar e os médicos disseram que ela terá mais um ou dois anos de vida.
“Tenho uma membrana defeituosa em meus pulmões e problema em processar oxigênio. Não há nada que eles possam fazer sobre isso. É como substituir uma pequena peça em um carro que não é mais fabricado”, disse Lilly à revista ‘People’.
Ela sente que viveu o melhor de sua vida, fazendo muitas viagens, morando em um barco, além de possuir diversas especializações na carreira. Mas ainda há um desejo que ela quer realizar antes de partir: ter um casamento no melhor estilo italiano.
A única coisa que falta é arrumar um noivo. No entanto, ela encontrou a solução perfeita e quer se casar com seu cachorro, Bernie. “É um grande desejo para uma mulher se casar e ter um grande casamento, mas nunca conheci alguém para isso. Bernie e eu podemos fingir que estamos nos casando. Ele e eu somos como ímã, sempre faço piada dizendo que ele é meu marido”.
Mas o casamento sonhado por ela está longe de ser o que imaginamos e é, na verdade, uma iniciativa para arrecadar dinheiro em prol dos animais. Para isso, ela publicou um pequeno livro que traz diversos cenários que poderiam ser a realização de seu sonho. Lilly batizou a publicação de “Casamento de 5 dólares de um Cachorro”.


Mulher quer se casar com cachorro – Divulgação/The $5 (Dog) Wedding

Em todas as cerimônias fantasiadas por ela no livro, a lista de presentes pede doações para instituições de doação de órgãos e de apoio e resgate de animais. Isso porque essas são as duas causas que mais tocam o coração da americana. “Essas causas são celebradas porque eu não preciso de presentes, todos os presentes e toda a glória vão para eles”.
A doação de órgãos é tão importante para Lilly que ela já havia doado um rim a um amigo de infância em 2007. Toda a renda adquirida na venda dos livros, que está disponível online, será destinada para essas instituições e Lilly espera realizar o casamento em breve.
Mas se casando mesmo ou não, espera que seus esforços para realizar seus sonhos inspire outras pessoas a se registrarem para doação de órgãos e adotarem seu próximo animal de estimação
Postagem Anterior Próxima Postagem
O Amazonense