O suspeito teria atirado para acertar um outro homem com quem tinham desavença e findou por acertar o irmão.


Policiais Militares prenderam Marcelo Cativa da Silva (29), suspeito de ter matado o próprio irmão durante uma briga que ocorreu na noite desta sexta-feira (15), no Bairro Novo Manacá, nas proximidades da escola municipal do bairro.

Segundo o registro na Delegacia de Manacapuru, Marcelo estava na companhia do irmão Yuri Costa da Silva (19), quando encontraram um jovem identificado como Railson Wellington de Jesus de Oliveira (19), o qual teria desavença com Yuri, os dois jovens entraram em luta corporal, foi aí que Marcelo puxou uma arma de fogo e atirou no intuito de acertar Railson, mas findou por atingir na cabeça o próprio irmão. De acordo com a polícia, o suspeito ainda atirou outras duas vezes acertando a perna e as costas de Railson.

Ao ouvir os disparos, policiais do Grupo Tático e Ações em Motocicletas (GTAM), que estavam em patrulhamento na Rodovia Manoel Urbano, entraram no Bairro Novo Manacá e lá encontraram os dois homens jogados no chão, segundo os policiais, Yuri já estava sem vida, e Railson apresentando ferimentos a bala.

Ainda no local, Railson repassou para os policiais informações sobre as características do autor dos disparos, uma guarnição foi chamada para dar apoio e conseguiram prender o suspeito em uma rua próximo onde ocorreu o crime.

Railson foi levado para o Hospital de Manacapuru, já o suspeito preso foi conduzido para a delegacia, onde confessou o crime e disse ter atirado no irmão por acidente, mas negou ter atirado na segunda vítima. O corpo de Yuri foi levado para o Necrotério do Cemitério São Francisco Xavier de onde seguiu para o Instituto Médico Legal (IML). O caso segue sob investigação na Delegacia Interativa de Manacapuru.

#nahora Por Érisson Araújo
Postagem Anterior Próxima Postagem
O Amazonense