Na regência indonésia de Lombok Oriental, uma mulher queimou o marido por ele ter recusado a dar a senha do celular, informa o Daily Mail.

Dedi Purnama, de 26 anos de idade, estava trocando as telhas quebradas da casa, quando sua mulher, Ilham Cahyani de 25 anos, pediu a senha do celular dele.

O homem se recusou a dá-la, iniciando, assim, uma discussão que progrediu para agressão contra ela, que contra-atacou jogando gasolina no corpo do marido e tacando fogo nele.

O delegado da regência, Made Yogi, declarou que a discussão verbal entre o casal só piorou quando Purnama desceu do telhado e começou a maltratá-la fisicamente.

Cahyani teria usado um galão de gasolina e um isqueiro para incendiá-lo. Um vizinho correu para a casa do casal depois de ver as chamas e ajudou a apagá-las.

O homem foi levado às pressas para o Hospital de Keruak, onde passou dois dias internado, antes de morrer. Cahyani está presa e policiais continuam investigando o caso.
Postagem Anterior Próxima Postagem
O Amazonense