Um tiozão de 55 anos foi preso em flagrante por estuprar a sobrinha dele, de 7 anos de idade, na tarde de ontem (24), na casa da avó da criança e mãe do suspeito, localizada no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus.

O louco sem dó e piedade enfiou o dedo na criança (isso me irrita, tamanho velho, caramba!) 

À delegada Juliana Tuma, titular da Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca), a criança relatou que o suspeito teria introduzido o dedo nas partes íntimas dela. “Ela foi para uma área externa da casa chorando. Uma prima viu e ela relatou o que tinha acabado de acontecer com ela, o que esse cidadão, que a gente prendeu ontem, tinha feito”, disse Tuma.

A prima da vítima indignada falou tudo para a mãe da criança. “Essa prima de 17 anos informou à mãe da vítima, que foi imediatamente à Depca e informou a situação. Nós saímos em perseguição (ao suspeito)”, explicou a delegada.

O estuprador se trancou no AP dele mais ou menos 40 minutos, mas, já era tarde, a policia o enquadrou.

Juliana Tuma ainda disse que “Quando a equipe da Depca chegou ao local, identificou o apartamento em que este cidadão estava e ele demorou cerca de 40 minutos para abrir. Depois, nós perguntamos o porquê da demora, ele disse que porque já sabia que era a polícia”, disse.

Ainda segundo informações da titular da Depca, essa não é a primeira vez que há denúncias do mesmo crime contra o comerciante. “A outra vítima era neta afetiva dele. (Ela) era abusada por ele desde os 8 anos, hoje ela tem 13. Até ano passado, quando a denúncia foi feita, fazia pouco tempo que ela tinha sofrido um abuso por parte dele”, contou.

O homem foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável e foi encaminhado ao Fórum Ministro Henoch Reis, para a audiência de custódia. ( Esse negócio de custódia não to gostando)
Postagem Anterior Próxima Postagem
O Amazonense