Anderson Duarte dos Santos, 25, foi preso em flagrante, e um adolescente de 16 anos apreendido, na tarde de terça-feira (2), com 400 quilos de maconha do tipo 'skunk', em frente a uma residência localizada na Rua São Tomé, na comunidade Parque São Pedro, bairro Tarumã, zona oeste de Manaus. As informações são da Polícia Civil.
A dupla estava sendo investigada há dois meses pelo Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) após denúncias anônimas. A prisão foi realizada com apoio do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc).
Avaliada em quase R$ 2 milhões, a droga foi encontrada na frente da residência do adolescente, no momento em que os pacotes com o entorpecente estavam sendo retirados de um caminhão.
De acordo com o delegado Guilherme Torres, o entorpecente iria abastecer todas as zonas da capital. 
"Algumas facções, que dominam a região de fronteira do Brasil com a Colômbia, procuram entrar no País por essa rota daqui do Amazonas. Como no Rio Solimões, ali em Tabatinga, há a fiscalização pela base [policial] Anzol, as facções escolheram ir para cima, pelo rio Japurá, descendo o rio Caquetá, que vem da Colômbia, região de maior produção de maconha do tipo 'skunk', até chegar à capital", explicou o delegado.
Anderson foi preso em flagrante e autuado por tráfico de drogas, associação ao tráfico e corrupção de menores. Ele será encaminhado para audiência de custódia no Fórum Henoch Reis.
Já o adolescente  foi encaminhado à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai).
D24
Postagem Anterior Próxima Postagem
O Amazonense