Rio Negro, Zezão HC e Adalberto Vale. As melhores equipes da Taça Laércio Miranda de Handebol nos naipes masculino e feminino estarão na quadra do ginásio Renné Monteiro, na Avenida Constantino Nery, a partir das 19h desta quinta-feira (04) com um só objetivo: levantar a taça de campeão da competição que reuniu 17 equipes. No primeiro jogo, o invicto Rio Negro enfrenta o Adalberto Valle pelo feminino. Às 20h30 é a vez do Adalberto Valle enfrentar o invicto Zezão HC no masculino.

Realizado pela Liga de Handebol do Amazonas (Liham), o evento conta com o apoio do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).

Rio Negro x Adalberto Valle

O primeiro encontro será de pura rivalidade no feminino. Rio Negro e Adalberto Valle têm feito ultimamente duelos de muita qualidade e com o placar decidido nos segundos finais. No último encontro da fase classificatória, o Galo da Praça da Saudade saiu com a vitória por 32 a 31 e de quebra se tornou a única equipe com 100% de aproveitamento. E no encontro valendo a taça, o principal nome do time da Zona Centro-Sul, a artilheira Miriam Santos, promete um jogo diferente.

“Nosso primeiro jogo não foi o que esperávamos. Digo isso pelo fato de cada jogadora saber da própria qualidade. Não tiro mérito nenhum do time do Rio Negro que soube jogar, não foram somente nossos erros, mas eles tambem tiveram a qualidade individual de suas atletas. Para a final, acredito que será um bom jogo, onde o time que errar menos sairá com a vitória”, contou ponteira com 38 gols.

Contra o ex-clube

A moral em alta e o bom momento da ponteira Sabrina, que soma 34 gols, faz do time do Rio Negro um dos francos favoritos para a conquista do título. A jogadora que ano passado foi campeã amazonense com o Adalberto Valle, agora encontra o ex-clube na primeira final vestindo a camisa barriga-preta.

“Cada jogo é um jogo. As duas equipes estão com muita vontade de ganhar. Nossa equipe tem se preparado muito durante esses dias e vai ser um jogo em que as duas equipes estão com muita vontade de ganhar”, disse a ponteira, recuperada da lesão na perna direita. “Não estou 100%, mas garanto uns 99%”, declarou a atleta rindo.

Zezão x Adalberto Valle

Na finalíssima do masculino, o invicto Zezão Handebol Clube enfrenta a tropa do Adalberto Valle. No primeiro encontro, ainda na fase classificatória, o Zezão venceu por 31 a 19. Com cinco jogos e cinco vitórias e líder da Chave A, o clube da Zona Leste espera surpreender para ficar com a taça.

“É um trabalho de renovação e contamos com um time novo. Fizemos uma campanha boa, ganhamos todos os seis jogos e foi um trabalho duro tanto na defesa quanto no ataque. O resultado tem aparecido e agora vamos para a final. Focamos muito na defesa e com isso estamos mantendo um padrão na defesa e no ataque e queremos surpreender o adversário”, declarou o treinador, João Granjeiro.

De acordo com o treinador do Adalberto Valle, Erinaldo Correia, o rival leva vantagem em dois aspectos: “Eles (Zezão) desde o início da competição tiveram lugar fixo para treinar, enquanto nos revezamos muito em relação a isto. Eles também têm bons chutadores de nove metros e temos que estar bem atentos. Estamos treinando forte para sairmos com a vitória. Se tudo sair como estamos trabalhando com certeza teremos êxito”, analisou o treinador.
Postagem Anterior Próxima Postagem
O Amazonense