Astronauta explica por que extraterrestres não visitaram a Terra

O astronauta norte-americano de 85 anos de idade Alan Bean, que é uma das 12 pessoas que deram um pequeno passo para o homem, mas um enorme salto para a humanidade, ou seja, caminharam na Lua, confessou que não crê que "alguém do espaço tenha visitado a Terra".

Divulgação
Durante uma entrevista ao portal australiano News.com, Alan Bean disse que as civilizações mais avançadas são mais amigáveis e altruístas, como a Terra, que é melhor do que era antes.
"Nós viemos em paz e sabemos que vocês têm o problema do câncer que mata os humanos", teria sido o discurso de extraterrestres, de acordo com Bean, se eles entrassem em contato. "Nós resolvemos esse problema há 50 anos e aqui está o dispositivo que deve ser inserido na pessoa para curar a doença", continua o astronauta.
© AFP 2017/ FREDERIC J. BROWN
A figura de um extraterrestre em um estacionamento na cidade de Baker, estado norte-americano de Califórnia. Foto de arquivo, 10 de maio de 2015
Alô, extraterrestre? Cientistas afirmam que contato com alienígenas se aproxima
De acordo com Bean, essa é exatamente a atitude com que o homem chegará às civilizações de planetas distantes no futuro, quando os seres humanos tiverem a capacidade de alcançá-los. "Dentro de cerca de 1.000 anos… nós poderíamos ensiná-los a curar o câncer", disse ele.
No entanto, Alan Bean não duvida que não estamos sozinhos no universo. Para ele, o fato de que há bilhões de estrelas, e de planetas em torno delas, confirma a existência de vida. "A vida em muitos desses planetas é provavelmente como era a nossa 100.000 anos atrás e talvez haja outros que estão uns 10.000 anos adiante de nós." 
Sputniknews


Postagem Anterior Próxima Postagem