Adjuto Afonso segue em comitiva para intercâmbio parlamentar pela Suíça e Holanda

Foto: Ney Xavier / BLITZ AMAZÔNICO

O presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), deputado estadual Adjuto Afonso (PDT-AM), embarcou com uma comitiva da entidade em um intercâmbio parlamentar pela Suíça e Holanda, no período de 28 de março a 8 de abril. Os parlamentares conhecerão áreas estratégicas nos dois países, como o sistema prisional, político, práticas sustentáveis de laticínios, gestão de recursos hídricos, além do Porto de Roterdã, experiências importantes que podem ser sugeridas e aplicadas em políticas públicas no Brasil. 

Iniciando o intercâmbio, a comitiva será recebida pelo presidente do parlamento de Basel, Joel Thuring, que fará uma explanação sobre o sistema político da Suíça, considerado um modelo exemplar de democracia participativa, assim como também conhecerão o sistema prisional. 

Já em Amsterdam, terão acesso a informações sobre as melhores práticas sustentáveis e inovadoras na produção de laticínios em grande escala, em visita à fazenda do Grupo Van Bakel, que aplica conceitos voltados para a inovação. O Maior acionista do Grupo é o fundador do conceito e empresa Uber International.

A comitiva também terá reunião na Agência de Águas Neerlandesa, sobre gestão de recursos hídricos nos Países Baixos, que detém, atualmente, o maior conhecimento mundial no tema, além de soluções inovadoras e sustentáveis, principalmente para as áreas ribeirinhas. 


Outra visita estratégica será ao Porto de Roterdã, um dos maiores do mundo, onde os parlamentares conhecerão a estrutura de um porto que movimenta 450 milhões de toneladas de carga por ano, sendo a principal porta de entrada para o mercado europeu, com mais de 350 milhões de consumidores. Hoje, cerca de 40% das mercadorias que chegam ao Porto são provenientes do Brasil e distribuídas pela Europa.

A comitiva está composta pelos deputados Adjuto Afonso e Alessandra Campêlo, do Amazonas, que encontra com o grupo na quinta-feira, 30; Alencar da Silveira e Celise Laviola, de Minas Gerais; Ciro Simoni, Rio Grande do Sul; Sandro Locutor, Espírito Santo; Luciano Nunes, Piauí; Jesus Sérgio, Acre; Ricardo Barbosa, Paraíba; Ivana Bastos e Fabíola Mansur, Bahia; Olyntho Neto, Tocantins; Kennedy Nunes, Santa Catarina; Rigo Teles e Wellington do Curso, Maranhão; Joquim Noronha, Ceará; além do diretor da Unale Germano Stevens e da assessora internacional, Juliana Freitas.
Postagem Anterior Próxima Postagem